Reforma Trabalhista

Plataforma “NA PRESSÃO” facilita pressionar autoridades públicas

Ferramenta foi lançada pela CUT em junho como instrumento de luta contra projetos nocivos à classe trabalhadora [Escrito por: CUT] Lançada pela CUT (Central Única dos Trabalhadores), a plataforma digital “Na Pressão” é uma ferramenta para cobrar autoridades como parlamentares e ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Por meio de e-mail, telefone e das redes sociais será possível enviar mensagens e participar de campanhas cadastras no site. Já estão no ar as mobilizações de combate às reformas Trabalhista e Previdenciária e de defesa das Diretas Já! Apenas na primeira hora de lançamento foram mais de sete mil e-mails enviados, o que comprova, conforme aponta o presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, - Leia mais [...]

Conheça cinco maldades da reforma trabalhista

Mudança na lei deixará trabalhadoras mais vulneráveis a assédios e a jornadas exaustivas [Escrito por: Fania Rodrigues / Brasil de Fato] Em meio à denúncias de corrupção envolvendo diretamente o presidente ilegítimo Michel Temer (PMDB), o governo tenta aprovar a reforma trabalhista, que retira direitos dos trabalhadores para favorecer grandes empresários. O projeto de lei que muda a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovado na quarta-feira (28), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), seguirá para a última etapa de votação, no plenário do Senado Federal. Veja o que muda na CLT e como isso afeta sua vida. 1. Grávidas e lactantes poderão trabalhar em lugares insalubres. Se aprovada, a reforma permitirá que mulheres - Leia mais [...]

Rejeição a relatório da reforma trabalhista ‘aumenta o ânimo da tropa’, avalia Diap

Analista aponta mudança de dois votos, antes tidos como favoráveis ao governo, no resultado que derrubou parecer defendido pelo Planalto. Um deles foi do PSDB [Escrito por: Vitor Nuzzi / Rede Brasil Atual] São Paulo – A rejeição ao relatório do governista Ricardo Ferraço (PSDB-ES) sobre o projeto de reforma trabalhista, nessa terça-feira (20), na Comissão de Assuntos Sociais do Senado, “aumenta muito o ânimo da tropa” oposicionista, além de expor senadores até agora favoráveis ao texto, avalia o analista Antônio Augusto de Queiroz, o Toninho, diretor do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap). O resultado surpreendeu a própria entidade e representou inesperada derrota para o Planalto, que agora tentará - Leia mais [...]

Mudanças na legislação trabalhista foram conduzidas por parlamentares-patrões

Reportagem da Agência Pública mostra que maioria de parlamentares que aprovou lei de terceirização é empresário ou seu representante. Isso se repete na reforma trabalhista [Escrito por: Alice Maciel – Agência Pública] Na semana anterior à votação da proposta de terceirização na Câmara dos Deputados, uma empresa do deputado federal Laércio Oliveira (SD-SE), relator do projeto, era alvo de mais de um processo na Justiça do Trabalho de Sergipe. O deputado é dono de duas empresas de terceirização que prestam serviços de vigilância e de limpeza. No dia 16 de março passado, a Franca Serviços de Vigilância e Segurança Patrimonial passou a responder a mais um processo trabalhista. A empresa - Leia mais [...]

Nova Greve Geral contra as reformas deve acontecer em junho

CUT e demais centrais indicam data para mais uma ação nacional contra as reformas [Escrito por: CUT Nacional] A CUT e as demais centrais sindicais decidiram, em reunião nessa segunda-feira (29), realizar uma nova Greve Geral, contra as reformas e o governo Temer, no final de junho, em data a ser definida. Como referência, foi indicado o período de 26 e 30 do mês que vem. Embora alguns defendam 48 horas, a maioria aparentemente prefere realizar o movimento somente em um dia. A decisão final deve sair na próxima segunda-feira (5), quando os dirigentes voltarão a se reunir, em São Paulo. Eles prometem um movimento mais amplo que o registrado em 28 de - Leia mais [...]

Opinião: Um país de costas para seus trabalhadores

Para o historiador e mestre em Relações Internacionais Fernando Horta, no discurso atual ‘o trabalhador é quase um pária social’. Confira o artigo – É surpreendente como a ideia de se ser um “trabalhador” foi desmontada nos últimos 20 anos. No discurso atual, o trabalhador é quase um pária social. Alguém que vive de “benesses” do Estado, que espera ardentemente se aposentar, para então ser o que desde o início, segundo esta narrativa, ele sempre foi: um vagabundo. No meio tempo, o trabalhador tem a petulância de se juntar nestas nefastas organizações chamadas “sindicatos”. Fazem greves, bloqueando o trânsito (veja só!) e têm a audácia de querer ver no poder - Leia mais [...]

Derrubar reformas e conquistar Diretas Já são prioridade absoluta para a CUT

Rumo ao Ocupa Brasília marcado para o próximo dia 24, presidente da Central não descarta nova Greve Geral caso golpe avance no Congresso [Escrito por: Luiz Carvalho / CUT Nacional] Alçado por um golpe à condição de presidente da República, Michel Temer (PMDB) agora vive dias de agonia à frente de um governo moribundo por não ter sido capaz de acelerar a entrega de dois produtos fundamentais: a Reforma Trabalhista e a Reforma Previdenciária. A avaliação é do presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, para quem os financiadores do golpe decidiram optar por alguém com maior popularidade (segundo pesquisa Datafolha de março deste ano, Temer é rejeitado por 55% dos - Leia mais [...]

CUT exige: “Fora Temer, Retirada das Reformas e Diretas Já!”

Em nota, Central reafirma a luta para barrar de vez a tramitação das reformas [Escrito por: CUT Nacional] A Central Única dos Trabalhadores divulgou nota para orientar a atuação de sua base e dos sindicatos, federações e confederações após divulgação das graves denúncias contra o presidente Temer e o senador Aécio Neves. A seguir, a íntegra do texto. FORA TEMER, RETIRADA DAS REFORMAS E DIRETAS JÁ! A Direção da CUT considera de extrema gravidade as denúncias, fartamente documentadas  com provas  consistentes e divulgadas ontem nos meios de comunicação envolvendo o presidente ilegítimo Michel Temer no pagamento de propina, oriundas da empresa JBS, a Eduardo Cunha com o objetivo de mantê-lo calado - Leia mais [...]

Reforma Trabalhista avança no Senado

Comissões realizam audiências conjuntas para acelerar tramitação [Escrito por: Luciana Waclawovsky / CUT Nacional] Teve início nesta quinta-feira (11) a primeira sessão de debates sobre Reforma Trabalhista no Senado. Denominada Sessão de Debates Temática, a discussão aconteceu no plenário da Casa e contou com a participação de juristas, professores e sindicalistas. A proposta deste formato de sessão é acelerar ainda mais a tramitação da matéria, ao juntar duas comissões em apenas um evento. Ou seja, o que deveria acontecer em duas audiências públicas, uma para cada comissão, no caso de hoje, a CAE e a CAS, ocorre em apenas uma sessão. A primeira audiência pública aconteceu ontem (10) e também - Leia mais [...]

‘Segunda fase’ da reforma trabalhista começa quarta-feira

Duas comissões realizam audiência pública conjunta, com a presença do presidente do TST, favorável a mudanças na legislação. Paim aposta em alterações no texto [Escrito por: Rede Brasil Atual] O projeto de reforma da legislação trabalhistacomeçará a ser efetivamente discutido no Senado nesta semana, com audiência pública conjunta, na quarta-feira (10), a partir das 9h, das comissões de Assuntos Econômicos (CAE) e de Assuntos Sociais (CAS). A primeira já tem relator, o tucano Ricardo Ferraço (ES). As centrais, que se reuniram novamente nesta segunda-feira (8), na sede do Dieese, em São Paulo, pretendem levar centenas de pessoas para pressionar os parlamentares – e devem organizar uma marcha com chegada a - Leia mais [...]