Trabalhadores com carteira assinada podem ser prejudicados pela reforma de Temer

Contratos mantidos por 48 milhões de trabalhadores no país poderão ser alterados quando a reforma entrar em vigor. “Quem não aceitar, estará na rua e ponto final”, diz o presidente da CUT, Vagner Freitas [Escrito por: Rede Brasil Atual] Os 48 milhões de trabalhadores que têm carteira assinada no país, segundo os dados da RAIS, e portanto já estão no mercado de trabalho, poderão ser prejudicados pela reforma trabalhista, aprovada pelo Congresso e sancionada pelo presidente Michel Temer nesta quinta-feira (13). “Daqui a 120 dias quando o desmonte de Temer entrar em vigor, os contratos formais de trabalho poderão ser alterados. Para isso, bastará uma simples ‘conversa’ entre patrão e [...]

A CUT não aceita o desmonte dos nossos direitos

Pela revogação do PLC-38 da “Reforma Trabalhista” [Escrito por: CUT Nacional] A Central Única dos Trabalhadores não aceita e não reconhece qualquer legitimidade no fato de 50 senadores liquidarem direitos trabalhistas duramente conquistados, obedecendo as ordens de um governo golpista e ilegítimo e a serviço dos interesses de empresários. A CUT conclama as suas bases a seguir na luta pela Revogação do PLC 38 e utilizará todos os meios jurídicos, políticos e sociais para atingir esse objetivo. A sanção de Temer a essa lei que atropela inclusive direitos constitucionais não encerra a questão. É preciso derrotar esse ataque maior aos direitos trabalhistas e aos sindicatos através da luta de classe. A CUT considera [...]

Ufop realiza debate sobre reformas trabalhista e da Previdência

Sindmon-Metal é uma das entidades que participam da discussão A Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), campus Monlevade, realiza na quarta-feira (12), às 17 horas, um debate sobre as reformas trabalhista e da Previdência, com palestra do juiz do trabalho Cléber Lúcio de Almeida, pós-doutor em direito pela Universidad Nacional de Córdoba (Argentina). Para debater o tema com o palestrante, foram convidadas entidades sindicais e estudantis. O Sindicato dos Metalúrgicos de João Monlevade (Sindmon-Metal) será representado pelo presidente, Otacílio das Neves Coelho, e pelo secretário de administração e finanças, José Quirino dos Santos. O evento, aberto a todos os interessados, acontece no auditório da Ufop, na rua 36, nº 115, [...]

CUT não negocia perda de direitos da classe trabalhadora

Presidente da Central reafirma que não há qualquer negociação em andamento com governo golpista [Escrito por: Vagner Freitas, presidente nacional da CUT] Nos últimos dias, vários órgãos de imprensa vêm publicando matérias sobre supostas negociações de “centrais sindicais” com o governo Temer para manter o imposto sindical em troca da aprovação da reforma Trabalhista, na realidade um desmonte dos direitos assegurados na CLT. O termo ‘centrais sindicais’, sempre assim, no plural, induz o leitor a erro. Existem nove centrais sindicais no Brasil, a maior e mais combativa, com mais de 25 milhões de trabalhadores na base é a CUT. E a CUT não está negociando nem nunca negociou retirada de [...]

“Reforma trabalhista representa retrocesso ao século XIX”

Opinião é compartilhada pela desembargadora do trabalho aposentada Magda Biavaschi, o economista José Dari Krein e o sociólogo Ricardo Antunes [Escrito por: Manuel Alves Filho / Jornal da Unicamp] O Brasil vive atualmente uma onda regressiva profunda. Nem mesmo no período da ditadura militar houve uma ofensiva tão dura contra os direitos dos trabalhadores como a que está em curso. Se aprovada da forma como foi proposta, a reforma trabalhista pretendida pelo governo Temer, que é inconstitucional, fará com que o país retroceda ao século XIX no que se refere à proteção social do trabalhador. A análise resume, em boa medida, as falas de três participantes do seminário “Greve Geral [...]

Plataforma “NA PRESSÃO” facilita pressionar autoridades públicas

Ferramenta foi lançada pela CUT em junho como instrumento de luta contra projetos nocivos à classe trabalhadora [Escrito por: CUT] Lançada pela CUT (Central Única dos Trabalhadores), a plataforma digital “Na Pressão” é uma ferramenta para cobrar autoridades como parlamentares e ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Por meio de e-mail, telefone e das redes sociais será possível enviar mensagens e participar de campanhas cadastras no site. Já estão no ar as mobilizações de combate às reformas Trabalhista e Previdenciária e de defesa das Diretas Já! Apenas na primeira hora de lançamento foram mais de sete mil e-mails enviados, o que comprova, conforme aponta o presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, [...]

Reforma Trabalhista: Senado aprova urgência e CUT chama pressão total

Senadores vão votar Reforma Trabalhista no dia 11 sob intensa pressão da militância da CUT [Escrito por: CUT Nacional] Com 46 votos favoráveis e 19 contrários, os senadores governistas aprovaram na terça-feira (4) um pedido de urgência feito em nome da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) para acelerar a tramitação do PLC (Projeto de Lei da Câmara) 38/2017, que trata da Reforma Trabalhista, que destrói direitos dos trabalhadores. A votação em plenário será na próxima terça-feira, dia 11. A Reforma Trabalhista teve relatório favorável aprovado pela CCJ na última quarta (28/06). Apesar do empenho da bancada de oposição – composta por parlamentares do PT, PCdoB, PDT, PSOL, REDE, parte do [...]

Conheça cinco maldades da reforma trabalhista

Mudança na lei deixará trabalhadoras mais vulneráveis a assédios e a jornadas exaustivas [Escrito por: Fania Rodrigues / Brasil de Fato] Em meio à denúncias de corrupção envolvendo diretamente o presidente ilegítimo Michel Temer (PMDB), o governo tenta aprovar a reforma trabalhista, que retira direitos dos trabalhadores para favorecer grandes empresários. O projeto de lei que muda a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), aprovado na quarta-feira (28), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), seguirá para a última etapa de votação, no plenário do Senado Federal. Veja o que muda na CLT e como isso afeta sua vida. 1. Grávidas e lactantes poderão trabalhar em lugares insalubres. Se aprovada, a reforma permitirá que mulheres [...]