Comissão da Verdade de Minas Gerais faz pesquisa no Cerem

O pesquisador Luiz Gonzaga, estudante da UFMG, que trabalha na Comissão da Verdade [Foto: Wir Caetano]
O pesquisador Luís Gonzaga, estudante da UFMG, que trabalha na Comissão da Verdade [Foto: Wir Caetano]
Integrante da Comissão da Verdade de Minas Gerais, Luís Gonzaga Martins Mota de Oliveira esteve no Sindicato dos Metalúrgicos de João Monlevade (Sindmon-Metal) nesta terça-feira (7), para levantamento de material sobre repressão ao movimento sindical urbano no Estado.

O Sindmon-Metal, por meio de seu Centro de Referência e Memória do Trabalhador (Cerem), disponibilizou ao pesquisador cópias digitalizadas do processo 4281, aberto pelo governo militar contra a diretoria da entidade em 1964, e vídeos com depoimentos sobre perseguições contra sindicalistas no período.

Luís Gonzaga, monlevadense que reside em Belo Horizonte, cursa Ciências do Estado na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e integra a Comissão da Verdade como bolsista.