emprego

CNM/CUT: política industrial tem de garantir emprego e produção nacional

Em resposta às declarações de Donald Trump, que anunciou sobretaxa nas importações de aço, a Confederação reafirma defesa da indústria brasileira [Escrito por: CNM/CUT] Após o anúncio do presidente Donald Trump nesta quinta-feira (1) de impor sobretaxa nas importações de aço e alumínio, a Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT) reafirma sua defesa de uma indústria nacional forte, que tenha diretrizes com participação da classe trabalhadora. Afirmando a necessidade de proteger a indústria norte-americana, Trump divulgou que vai impor sobretaxas de 25% sobre importação de aço e de 10% sobre a importação de alumínio. O Brasil é um dos principais exportadores de aço para os EUA. Em 2017, enviou - Leia mais [...]

Reforma trabalhista de Temer não vai gerar emprego

Afirmação é de economista do Dieese; com mudanças, tendência é empresários manterem efetivo mínimo na maior parte do ano [Escrito por: Isaías Dalle / CUT] Que a proposta de reforma trabalhista apresentada em projeto de lei por Temer vai multiplicar as formas de trabalhos precários – salários baixos, falta de direitos, rotatividade intensa – parece não haver dúvida. Resta saber se, ainda que menos valorizados, mais empregos surgirão, conforme prometido pelo ex-vice-presidente da República. “Não”, responde sem pestanejar Adriana Marcolino, economista que coordena a subseção Dieese da CUT Nacional. Na maior parte do ano, o número de empregos vai mesmo é cair”, completa. O raciocínio de Adriana é simples de - Leia mais [...]