ZÉ MARRETA Nº 1348 – Assembleia ArcelorMittal – Quarta, dia 13

 [PDF AQUI]: EDIÇÃO Nº 1348 – 11/01/2016 Edital – Assembleia ArcelorMittal / Saiu no Rapidinho / Giro ArcelorMittal: alguns acordos fechados e em negociação / Grupo 19 enrola na negociação salarial e não quer pagar segunda parcela da PLR / O estranho comportamento da PH / ArcelorMittal deixa terceirizados na escuridão / Quando a punição esconde algo de quem puniu EDIÇÕES ANTERIORES>>>> - Leia mais [...]

Comissão da Verdade vai apurar crimes contra trabalhadores

Da CUT, em 11/04/2013: “Acatando uma reivindicação da CUT, a Comissão Nacional da Verdade (CNV) terá um capítulo específico para apurar e resgatar a memória de trabalhadores perseguidos, torturados e assassinados, investigando as intervenções que ocorreram nas organizações do campo e da cidade durante a ditadura militar (1964-1985). A proposta, apresentada pela Central à presidenta Dilma Rousseff em audiência no começo de fevereiro, foi acertada junto à advogada Rosa Cardoso, uma das sete integrantes da CNV, em reunião realizada no dia 2 de abril.” (Mais…>>>) *** Em sintonia com esta matéria, vale a pena relembrar esta lâmina (slide) de 15/08/2006: - Leia mais [...]

O santo dos operários

19 de março,é dia de São José. Na foto, momento de celebração (do 1º de Maio, mas com imagem de São José Operário) nos anos 60. Carregando o andor, à esquerda, de bigode, Geraldo Oscar (1921-2012), que presidiu o Sindicato dos Metalúrgicos no período de 1959 a 1964, quando foi deposto pelas forças da ditadura militar. - Leia mais [...]

Mulheres na História

Nos anos 1980, foi formado em João Monlevade o “Grupo de Mulheres”, que teve papel ativo nas lutas dos trabalhadores e trabalhadoras. Em entrevista ao nosso Centro de Referência e Memória do Trabalhador (Cerem) em 2007, Maria Leonides Ramos, a “Leo”, viúva de Antônio Ramos (presidente do Sindicato no período de 1987 a 1990), falou sobre a criação do grupo: Confira trecho da matéria: “(…) Leo lembra que sua casa era um verdadeiro “recanto para reunião”. Ela conta que, às vezes, “tinha 19 carros” de pessoas de movimentos populares e políticos em frente à sua residência. “[João Batista dos] Mares Guia, Virgílio Guimarães… virei babá desse povo todo”, diz. Mas - Leia mais [...]