ZÉ MARRETA Nº 1348 – Assembleia ArcelorMittal – Quarta, dia 13

 [PDF AQUI]: EDIÇÃO Nº 1348 – 11/01/2016 Edital – Assembleia ArcelorMittal / Saiu no Rapidinho / Giro ArcelorMittal: alguns acordos fechados e em negociação / Grupo 19 enrola na negociação salarial e não quer pagar segunda parcela da PLR / O estranho comportamento da PH / ArcelorMittal deixa terceirizados na escuridão / Quando a punição esconde algo de quem puniu EDIÇÕES ANTERIORES>>>> - Leia mais [...]

Comissão da Verdade vai apurar crimes contra trabalhadores

Da CUT, em 11/04/2013: “Acatando uma reivindicação da CUT, a Comissão Nacional da Verdade (CNV) terá um capítulo específico para apurar e resgatar a memória de trabalhadores perseguidos, torturados e assassinados, investigando as intervenções que ocorreram nas organizações do campo e da cidade durante a ditadura militar (1964-1985). A proposta, apresentada pela Central à presidenta Dilma Rousseff em audiência no começo de fevereiro, foi acertada junto à advogada Rosa Cardoso, uma das sete integrantes da CNV, em reunião realizada no dia 2 de abril.” (Mais…>>>) *** Em sintonia com esta matéria, vale a pena relembrar esta lâmina (slide) de 15/08/2006: - Leia mais [...]

O santo dos operários

19 de março,é dia de São José. Na foto, momento de celebração (do 1º de Maio, mas com imagem de São José Operário) nos anos 60. Carregando o andor, à esquerda, de bigode, Geraldo Oscar (1921-2012), que presidiu o Sindicato dos Metalúrgicos no período de 1959 a 1964, quando foi deposto pelas forças da ditadura militar. - Leia mais [...]

Mulheres na História

Nos anos 1980, foi formado em João Monlevade o “Grupo de Mulheres”, que teve papel ativo nas lutas dos trabalhadores e trabalhadoras. Em entrevista ao nosso Centro de Referência e Memória do Trabalhador (Cerem) em 2007, Maria Leonides Ramos, a “Leo”, viúva de Antônio Ramos (presidente do Sindicato no período de 1987 a 1990), falou sobre a criação do grupo: Confira trecho da matéria: “(…) Leo lembra que sua casa era um verdadeiro “recanto para reunião”. Ela conta que, às vezes, “tinha 19 carros” de pessoas de movimentos populares e políticos em frente à sua residência. “[João Batista dos] Mares Guia, Virgílio Guimarães… virei babá desse povo todo”, diz. Mas - Leia mais [...]

As barreiras da Belgo – Uma mobilização há 30 anos

  Na imagemReprodução de trecho de matéria do “Jornal Monlevade” de 20 de outubro de 1982. A reportagem trata da dispensa de 1.600 trabalhadores anunciada pela então Companhia Siderúrgica Belgo-Mineira (atualmente, ArcelorMittal), reduzindo o quadro de pessoal para 2.500 funcionários. A empresa iria construir nova aciaria. No fragmento, o prefeito de João Monlevade na ocasião, Antônio Gonçalves, fala da tentativa de implantar um Distrito Industrial, o que vinha enfrentando barreiras impostas pela Belgo, proprietária do terreno onde a Prefeitura pretendia realizar o empreendimento. A área viria a ser doada ao município no início dos anos 1990. O Sindicato dos Metalúrgicos, na época presidido por Leonardo Diniz, preparou um dossiê sobre a - Leia mais [...]

“OS MELHORES”, 1986

Leonardo Diniz, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos no período de 1981 a 1987 e prefeito de João Monlevade (gestão 1989-1992), foi uma das personalidades relacionadas como “Os Melhores” de 1986 pelo Jornal “Estado de Minas”. Ele foi o escolhido na categoria “Liderança Trabalhista”. A relação foi publicada em um encarte do caderno “Fim de Semana” do periódico mineiro em 22 de abril de 1987. - Leia mais [...]

Trabalhadores, trabalhadoras, negros, negras – #Mês-da-Consciência-Negra (2)

      **** Dentro da proposta de postar, neste Mês da Consciência Negra, imagens e textos relativos à personagens negros(as) da história do Sindmon-Metal, republicamos hoje matéria que fizemos com Maria Leonides Ramos (Leo Ramos), em 2007. Ela é viúva de Antônio Ramos, que presidiu o Sindicato no período de 1987-1990. Ainda este mês, reproduziremos trechos da “história oral” (transcrevendo, parcialmente, o depoimento de Leo), com fotos. ** – Wir Caetano/Cerem Em sua casa, na rua Wilson de Souza, bairro Laranjeiras, Alencar Mendonça Ramos, 23 anos, fez questão de dizer: “a pessoa que deu a vida pela luta merece ser ao menos reconhecida”. Ele se referia ao pai, Antônio Ramos, - Leia mais [...]

Trabalhadores, trabalhadoras, negros, negras – #Mês-da-Consciência-Negra

Esta é a carteirinha do metalúrgico José Borges da Costa (1921-2001) como sócio do Sindicato dos Trabalhadores dos Metalúrgicos de Sabará e Rio Piracicaba (atualmente, Sindmon-Metal) nos anos 1950. Ele foi admitido em 05 de junho de 1940 como funcionário da então Companhia Siderúrgica Belgo-Mineira (hoje, ArcelorMittal), em João Monlevade (na época, distrito de Rio Piracicaba), onde o Sindicato foi inaugurado em 1951. José Borges era pai de Lauro Gomes da Costa (também conhecido entre amigos como Lauro Santa Bárbara), integrante do Conselho de Aposentados na diretoria do Sindmon-Metal. *** Este mês, haverá outras postagens (imagens e textos ) com personagens negros de nossa história. *** Veja também>>> - Leia mais [...]